Ao no Exorcist: Kyoto Fujou Ou Hen


Tópico em 'Temporada Finalizada' criado por martec em 01/01/2017, 00:38.
Páginas (2): « Anterior 1 2
Avaliação do Tópico:
  • 0 Votos - 0 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
0 votos
26 respostas neste tópico
 #16
Ao no choradeirorxist 3

Aos poucos o Rin vai retomando a confiança de todo mundo
vai demorar ainda pra conseguir a do Bon, mas pau no cu dos urso

E eu tinha certeza que ia dar alguma merda essa 'rivalidade' entre esses dois clãs ai.
Só acho engraçado essa desconfiança toda. Em momentos assim é que todos precisam estar mais unidos do que nunca.
Nego vive de lutar contra demônio e não sabe q gerar a discórdia entre queridos é oq demônios fazem de melhor?

Fora que todo esse discurso da Shiemi pareceu super vazio PARA MIM, por eu n lembrar bulhufas de oq rolou na season passada -q
Acredito q tenha seu valor no mangá.

Anyway
Responder
 #17
ao no twistorxist 4 e 5

eita

a maluca das cobrinha era a traidora, mas parece q ela estava sendo manipulada

e eu simplesmente odeio essa história de 'ações secretas', putz q saco
ok q tu tá fazendo algo secreto e q n pode ser revelado por motivos, mas pelo menos diz "eu to fazendo algo pelo bem de todos, mas n posso revelar detalhes pois isso comprometeria o sucesso da missão, fiquem tranquilos q tá tudo bem", n fica todo "ain eu n posso contar" isso só complica as coisa aff

e o Rin é um bom garoto, coitado ele n merece o bullying q sofre
rip to com sono d+ pra escrever um post q presta
Responder
 #18
O Rin é um Naruto 2.0, ele tem poderes de origem oculta que gera preconceito entre os próprios aliados, ele tem medo de machucar os amigos por algum descontrole, aí alguns personagens vão e começam a dizer: "Eu confio em você." -- "Eu acredito em você Rin."

Copiou e colou a temática de Naruto e de tantos outros shounens, não estou dizendo que Naruto foi o primeiro com essa temática, ok, pelo amor, é lógico que existem uns 500 animes com um protagonista que passa pelo mesmo.

Mas a história ainda assim é legal, é um dos poucos animes que estou acompanhando nessa temporada, e estou me divertindo assistindo.

Um personagem pouco comum na trama de Exorcist, levando em conta o gênero shounen, é o Mephisto, ele é um guia, mas é um pouco sádico, ele está ali para rir dos mlks, ao mesmo tempo que os ajuda. Gostaria de vê-lo lutar seriamente, ele deve ter outra forma, além desse pierrot que ele personifica.
Responder
 #19
ao no flashbackorxist 6

achei interessante esse "segredo" do culto, e como o sumo-sacerdote lidou com tudo que aconteceu.
mas essa troop do vilão ai q tem um plano gigantesco onde ressuscitar um demônio gigante q pode destruir a terra sozinho é apenas "uma distração para chegar em uma peça do objetivo"... Achei isso paia.

E embora os primeiros episódios tenham sido bem bonitos, esses últimos tem parecido um pouco derp.

O passarinho de fogo foi extremamente broxante -q
é um bixin de 50cm de altura e desenhado torto lmao

Mas agora o bagulho ficou doido, pq tem um fodendo demonho gigante indo destruir o universo, o sumo-sacerdote morreu, o vilãozão comeu uma fênix, e sentenciaram o Rin a morte

"essa partida vai ser doida" - Dehaka
Responder
 #20
ao no prisonxist 7

uma coisa q eu reparei agora sobre ao no exorcist, e que me deixou bastante perturbado, é o fato de que eles não conseguem manter a seriedade de nada, puta que pariu.

Se uma cena tá séria (com um motivo para estar) por mais de 2 minutos, eles quebram totalmente o clima pra botar uma piadinha retard no meio.
Isso aconteceu 5 ou 6 vezes nesse epi, e nareal acho que só uma delas foi engraçada mesmo.

E o pior é que não é algo focal, tipo um personagem só de alívio cômico, q vc sabe q se ele está envolvido, já n vai ser sério msm. Isso acontece com todo mundo...

Mas enfim, sobre o epi:
Foi tudo uma preparação de terreno pro final. Não teve nada de relevante no episódio em si, mas como o próprio diretor disse no final, "foi uma preparação dos atores e do palco". Agora tá tudo pronto pra rolar.

Vamos ver como se dá a peça em si.
Responder
 #21
ao no revelassoinsxist 8

Muita coisa aconteceu nesse episódio. Foi interessante de assistir por conta de várias informações que finalmente nos foram passadas.
Mas ao mesmo tempo, tivemos aquele mesmo problema da "quebra da seriedade" que putz, acaba com o clima do anime.

Mas o problema é que, mesmo quando eles NÃO interrompem a seriedade, como foi no caso do diálogo entre o Yukio e o demonho... A série simplesmente não tem capacidade de manter algo bacana. Eles conseguiram manter a seriedade, mas não foi um negócio legal. Antes eu achava que o que causava essa 'chatice' nos momentos 'sérios' era a quebra da seriedade, mas agora que tivemos um contra-exemplo, posso afirmar com certeza que a culpa é da direção do anime mesmo.

Mas bem, vamos ver pra onde vai.
Responder
 #22
ao no princessxorcist 9

Não sei se o problema é Ao no Exorcist, ou se estou desanimado com animes no geral...
pq eu fico desanimado pra caralho quando vou assistir AoE.

de qualquer maneira...

achei interessante o lance de finalmente o irmão lá mostrar algum sinal do Satã.
Afinal, nunca fez sentido tu ter irmãos gêmeos e só um deles ser filho do satã wtf

Mas algo que achei bem paia foi todos esses sentimentos de "dúvida" em todos os 'protagonistas'. Ainda mais quando se está tão cravado o conceito de que ter dúvidas no coração é um dos maiores pontos fracos de qualquer exorcista...
Enfim, pode vir a ser uma forma interessante de desenvolvimento.

Ou não, sei lá.
Responder
 #23
ao no nietzcheorxist 10 e 11

Encarar o abismo etc etc

Essa segunda temporada de AoE como um todo está bem chatinha...

O episódio 10 foi inteiro de NADA ACONTECE FEIJOADA.
Sério, dava pra ter botado o episódio 10 inteiro em 3min no ep11 e daria a mesma coisa.

Já o episódio 11 foi até que bom, pro nível da série. Digo isso pq todos os personagens tiveram, finalmente (depois de 5 episódios pra passar 10min no tempo real deles), algo de verdade acontecendo com eles.

Like, god damnit.

Acabou o episódio 10 e eu fiquei tipo "puta merda sério q depois da temporada inteira falando como o impure king era fodão, o Rin vai desembaiar a espada e matar ele num corte só?", mas pelo menos não foi isso que aconteceu.

Acabou sendo uma bosta oq aconteceu também, mas menos ruim do que eu tava imaginando.
welp

E pra não falar q eu só hateio as coisas cof migliole cof, vou fazer um elogio também:
Eu reclamei muito das "quebras de seriedade" do anime, que os personagens saem totalmente do clima da cena pra fazer uma piada.
Pois bem, hoje finalmente o anime conseguiu fazer uma situação dessas ficar boa. Foi minha parte predileta do episódio, inclusive.

Anyway, tá acabando pls
Responder
 #24
E cabou...

Pois é, foi um anime bem curtinho só para colocar tudo em sintonia com o mangá, eu suponho, o traço e animação tão bem caprichados, a história foi legal, nada muito surpreendente, mas duas coisas me chamaram atenção:

1 - O fato do Yukio ter apresentado chamas azuis nos olhos dele. Interessante isso, significa que ele é herdeiro dos poderes do papi dimônio também. E como ele rejeita fortemente isso, pode acontecer dele ser tomado por esses poderes e se tornar um antagonista, esse seria o caminho clássico dos shounens, mas vamos ver se o autor escolhe um destino diferente pro Yukio.

2 - Ficou claro que o Mephisto está manipulando tudo o que está acontecendo, e ele não se importa muito com o preço sendo pago por isso. Duas possibilidades, ou ele é do "bem" e está apenas ajudando, guiando e pá, ou ele está de fato manipulando a situação e treinando o Rin para matar satã e vir a assumir o lugar dele, podendo se tornar um main antagonist.
Responder
 #25
Exorcista azul: Saga de Quioto 12

Acabou.

O último episódio foi muito melhor que todo o resto da anime junto.
O autor simplesmente não tem jeito em escrever cenas sérias. E como mais da metade do anime foi só focado em "coisas sérias", ficou bem cansativo.
Mas esse final foi bem tranquilo, e daí deu pra aproveitar bastante.

Inclusive, acho que o autor tá fazendo uma obra que não tá na sua faixa de habilidades. Ele teria um proveito muito maior do talento dele escrevendo uma obra no estilo de... Gintama, digamos. Uma comédia com lutinhas e poderes. Mas ele prefere fazer um anime de lutinhas e poderes com comédia...

No geral, foi uma temporada bem massante e que teve poucos momentos legais, que apesar de terem sido MUITO legais, não compensaram completamente todo o resto.

4/10 e é isso. Se vier outra temporada a gente assiste, mas né.
Responder
 #26
Episódios 7 a 12

Tirando mais um atraso, mas esse um pouco mais recente.
Adoro Ao no Exorcist. Acho a premissa bacana, os personagens (quase todos) bem legais pros padrões de um mangá/anime shonen, as reviravoltas são boas... Enfim, é melhor que um Naruto da vida.

Essa temporada foi... Boa. Eu julgo Ao no Exorcist pelo que ele é: um anime shonen, com todos os clichés de shonen e cenas shonenzísticas de lutinhas, superação e feels. E devo dizer que os feels até mexeram comigo mais do que o normal. Geralmente eu fico emocionado com animes nada ver (tipo aquele do dicionário, ou o do Udon), mas os personagens de Ao me encantam bastante. Ou pode ser por culpa de  metade da temporada, com os protagonistas todos maltratando o Rin e toda a amizade indo pra caralho.

Isso foi algo que me incomodou. Parei o anime e esperei a temporada acabar pra justamente passar direto por toda essa ladainha, e no final finalmente engrenou. A luta contra o Impure King foi bacana, o lance da superação, do controle das chamas, da evolução do Bon... Foi tudo beeem legal.

A trilha sonora desse anime é fantástica. Merece ser ouvida até separada da animação, de tão boa. E a animação, assim como a trilha, é ótima. Os valores de produção dessa temporada mantiveram-se altíssimos.

A história é genérica? É, como todo shonen. Os personagens são clichés? São, como todo shonen. O final é piegas? É, como todo shonen. Isso me empolga? Não tanto quanto deveria, mas ainda assim fico feliz em ver as coisas dando certo, acompanhando as lutinhas e discursos. Sei lá, achei bacana.

Acho que essa temporada leva uma nota entre 6 e 7/10. Se tivessem persistido no lenga lenga de "Não confio no Rin", teria sido um saco, mas isso foi se resolvendo no decorrer dos episódios e acabou bem. Acho que valeu acompanhar. Nada genial, mas entretém.

Ah, e deixou curiosidades em aberto. O Yukio e suas chamas, o Mephisto manipulador... Várias dúvidas. Legal.

E ah, @Best, na verdade Blue Exorcist é de uma AUTORA. O nome dela é Katou Kazue.
Responder
 #27
Ah nois sempre usa o masculino pq conhecendo o Japão e tal é mais provável de ser homem né

Mas isso n muda o fato de que elA não parece saber como fazer algo sério e se daria melhor numa comédia.
Responder
Páginas (2): « Anterior 1 2

Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes