Ace Attorney Online - RPG ♥


Tópico em 'Jogos & Consoles' criado por Hatty em 24/05/2016, 22:50.
Páginas (4): « Anterior 1 2 3 4 Próximo »
Avaliação do Tópico:
  • 1 Votos - 5 Média
  • 1
  • 2
  • 3
  • 4
  • 5
1 votos
58 respostas neste tópico
 #16
Linha do tempo: Alfa

Período do tempo: 1 Ano antes da Guerra vencida por Mio Kalar

Caso: Assassinato

Local: Restaurante Tussardi de Duwang

[Imagem: 82DTwxw.png]

Vitima: Massimo Tussardi (Dono do Restaurante)

Acusado: Hatty (Garçom)

Testemunha 1: Jinrou (Pianista)
Testemunha 2: Shadow (Barman e Assassino)

Promotor: Dunia
Advogado: Aura
Juiz: Lake
Detetive: migliole

Garçom: 18~19 anos
Dono: 31 anos
Barman: 29 anos
Pianista: 45 anos

Datas:

Abril Dia 21 Dia do Aniversário do Garçom
Maio Dia 18 Dia do Anuncio de possivel demissão
Junho Dia 1 Dia do Pagamento
Junho Dia 7 Dia do Assassinato
Junho Dia 8 Dia do Julgamento


Abre 11h
Fecha 22h

Spoiler: Pianista  
Testemunho do Pianista
Às 22h no momento do fechamento do restaurante haviam apenas quatro funcionários no local e nenhum cliente. O Dono do estabelecimento, o barman, o garçom e o pianista.
Enquanto o pianista se arrumava para sair e guardava suas luvas de lã preta ele escutou um barulho de garrafas de vidro caindo no chão.
Ao se aproximar da cozinha ele viu o corpo de seu chefe estirado no chão e saiu correndo para a rua em busca de ajuda visto que seu celular estava sem bateria.
Ao sair de dentro do restaurante o pianista tropeçou num cacho de 5 bananas e machucou seu braço sujando seu uniforme de sangue.
Ele apenas foi encontrar um telefone público para chamar a policia em frente a alfaiateria 10 minutos após o assassinato. Em todo o percurso ele não viu uma única pessoa ou carro passando na rua.

Período de Trabalho:

Barman - 5 anos
Pianista - 2 Anos
Garçom - 6 meses

Pertences:
Bolsa do pianista preta de couro ficou no restaurante. Foi entregue a ele pelo delegado já na delegacia

Situação:
O restaurante estava passando por dificuldades financeiras. O Dono já havia avisado que um dos três funcionários viria a ser demitido por não estar dando pra bancar todos.

Histórico de Relacionamentos:
No primeiro dia de trabalho do garçom ele esbarrou num homem e derrubou um copo. O garçom só faltou chorar e jurou de pés juntos que o homem era o culpado e que havia o sabotado. O dono acreditou no garçom e expulsou o homem do restaurante para nunca mais voltar.

Spoiler: Garçom  
Testemunho do Garçom
Ás 21h já não haviam mais clientes no restaurante e muito provavelmente não chegaria mais nenhum. Visto que a hora de fechamento é 22h e o Garçom passou o dia inteiro com uma forte dor de cabeça o Garçom pediu autorização ao dono para acessar o segundo andar do restaurante o qual é onde fica a casa do Dono. Existem dois acessos a esse segundo andar que é usado de casa, um é pelo lado de fora do restaurante por uma porta alternativa na qual da num corredor com escada. O outro é através de um alçapão localizado na cozinha do restaurante que precisa de chave para ser aberto. Depois de falar com seu chefe o garçom obteve permissão para descansar no segundo andar junto da chave do alçapão, antes de se preparar pra subir ele deixou seus pertences em cima de uma bancada do primeiro andar, incluindo uma faca dourada que recebeu de presente do dono. Com auxilio de uma escada de metal o Garçom foi até o segundo andar com a chave em seu bolso e tirou seu cochilo. É importante ressaltar que a chave para o alçapão é diferente da chave da porta normal da casa.
Sem ter ouvido nada devido ao seu sono profundo o Garçom desceu normalmente de volta para a cozinha em torno das 22:30 e encontrou o corpo de seu Chefe estirado no chão já morto ao lado da faca dourada que pertence ao Garçom. Poucos segundos depois o carro da policia chegou a porta do restaurante e prendeu o Garçom no "flagra" o classificando como o assassino.

Período de Trabalho:
Garçom trabalha no restaurante há 6 meses

Pertences:
A mochila do Garçom ficou na cozinha do restaurante e continha seus documentos assim como a faca dourada antes de ser removida de lá pelo assassino.

Situação:
O restaurante estava passando por dificuldades financeiras. O Dono já havia avisado que um dos três funcionários viria a ser demitido por não estar dando pra bancar todos no mês anterior. No mês do assassinato nenhum dos três funcionários havia recebido o salario ainda. Isso mudou no dia anterior ao assassinato. Ao se esconder atrás de uma porta sem conseguir ouvir nada que era dito o Garçom olhou por uma fresta e conseguiu ver claramente o Dono do restaurante entregando o salario na mão do Barman escondido dos demais funcionários. Entretanto o Barman não parecia muito feliz mesmo assim.

Histórico de Relacionamentos:
O Garçom é o mais jovem dos funcionários e se formou do ensino médio tem pouco tempo. Evitando a faculdade por precisar começar a trabalhar logo para ganhar dinheiro para pagar seu aluguel, o Garçom entrou para a equipe do restaurante como seu primeiro trabalho. Na escola o Garçom sofria bulen tendo o pouco dinheiro que tinha pro lanche roubado. O bulen se intensificou ao final do último semestre visto que ele era o único de sua turma que não iria tentar entrar para a UJO, a universidade da cidade, e assim sofrendo retaliação e sendo taxado como incapaz. Logo em seu primeiro dia de trabalho no restaurante seus agressores do tempo de escola descobriram onde ele trabalhava e foram atrás dele para o perseguir. Depois de uma série de implicâncias como jogar lixo no chão só para que ele limpasse e cuspes no rosto do garçom um dos agressores se levantou enquanto o Garçom servia outro cliente e esbarrou propositalmente nele o fazendo quebrar um copo caro do restaurante. O Dono do restaurante foi até o local depois de ouvir o som e viu a cena. O Garçom caiu em prantos e se ajoelhou aos pés do Dono implorando que não fosse demitido e jurando que
Responder
 #17
Spoiler: Anotações de um Assassino  
Caso:

Assassinato no Restaurante

Vítima: Massimo Tussardi (Dono Restaurante Tussardi)

Na noite do crime, às 22h, tinham três pessoas no restaurante - garçom, pianista e eu.
Eu sou o assassino.

Restaurante abre às 11h e fecha às 22h.

7 de junho é a data do assassinato.

Garçom: 18~19 anos ----> Acusado do assassinato
Dono: 31 anos
Barman: 29 anos
Pianista: 45 anos

Restaurante não vende nada feito com fruta. ======> PODE SER IMPORTANTE

Eu trabalhava nesse restaurante há muito tempo, antes de virar restaurante. Quando o
restaurante abriu (http://i.imgur.com/82DTwxw.png - andar de baixo, em cima é casa do dono, à direita tem uma porta que vai pro segundo andar), há 5 anos atrás eu e ele éramos os únicos funcionários, era um bar, no 3º ano virou um restaurante, o pianista foi contratado, passou por um período de sucesso até as coisas começarem a piorar um pouco,seis meses antes do assassinato, quando um garçom novo foi contratado. A princípio, não houve ligação direta entre a contratação e a diminuição da clientela. Eu, por ser um funcionário mais antigo, e por considerar ser mais importante para a história do restaurante,
achava merecer mais valorização do meu trabalho. Percebi que o dono dava um favoritismo
muito grande para o novo garçom, algo que me incomodava um pouco.

Planta do restaurante (https://images-2.discordapp.net/eyJ1cmwi...n1m7oI.png)
(É apenas minha memória)

No primeiro dia de trabalho do garçom (1º de dezembro do ano anterior), eu notei algo estranho aconhecendo. À tarde começaram a chegar adolescentes recém-formados, o que era estranho. Comecei a notar que esses adolescentes estavam implicando com o garçom, como jogar comida no chão de propósito para ele limpar. Teve uma hora que o garçom foi servir bebidas pra um certo grupo de clientes
e um desses garotos se levantou indo em direção ao banheiro e deu um esbarrão proposital
no garçom pra fazer ele derramar as bebidas e os copos nos clientes. Apesar de eu ter perce=
bido que era maldade dos garotos, pro pianista pareceu que ele tinha tido culpa e ele não
queria admitir e botou a culpa nos garotos, daí ele conseguiu protecionismo do dono. Os
clientes ficaram indignados pelo garçom não receber punição. Daí eu passei a ter a impressão
de que os clientes desse dia nunca mais voltaram. Por isso o restaurante começou a
falir, foi o que eu achei. Passei a apoiar a ideia do pianista pois se eu compactuasse com
ele, isso ajudaria a culpar o garçom.

O dono ouviu a história do garçom e ficou tocado. No dia 21 de Abril (aniversário do garçom),
o dono do restaurante resolveu dar de presente pro garçom uma faca dourada, uma espécie
de tesouro/símbolo familiar de importância, como recompensa por seu trabalho. Fiquei
indignado pois eu trabalhava há mais tempo e o garçom havia recebido algo que nunca recebi.

No dia 18 de maio o dono avisou, de surpresa, que um de nós três teria que ser demitido, pois o restaurante não conseguia bancar mais o salário. Eu trabalhava há anos numa função essencial (barman), o pianista não exercia uma função essencial e o outro trabalhava há pouco tempo e poderia ser substituído. O pianista ficou bastante preocupado.

No dia 1º de junho, o pagamento seria recebido. Nenhum de nós três recebeu o pagamento pois o dono não tinha como nos pagar por falta de dinheiro. Não fiquei nem um pouco satisfeito mas não tinha muito o que fazer.

No dia 6 de junho, o dono do restaurante me chamou para uma conversa particular. Ele entregou meu pagamento e disse que eu estava demitido e aquele era meu último salário, sendo meu último dia de trabalho no dia seguinte. Eu fiquei extremamente inconformado com a situação e decidi assassiná-lo no dia seguinte. Nem o pianista nem o garçom sabiam que eu tinha sido demitido nem que ele tinha pagado meu salário.

IMPORTANTE: O QUE OCORREU NO ASSASSINATO

O que aconteceu de verdade: eu esperei por um momento o dia inteiro aonde o dono estivesse sozinho e não tivesse ninguém próximo pra ver a cena acontecendo. Quando deu 21h não havia nenhum cliente no local, eu vi o garçom pedindo a chave do andar superior para descansar e subindo pra lá pelo alçapão, pois queria descansar por estar com dor de cabeça. Às 21h40min o pianista foi guardar suas coisas e se distraiu. Levei uma luva pra não deixar impressões digitais. Fui até a mochila do garçom, que estava na cozinha do 1º andar, e peguei a faca dourada que ele recebeu de presente. Esperei um momento em que ele se distraiu e dei uma facada no pescoço dele, assassinando-o. Larguei a faca no chão e peguei do bolso da sua roupa a chave da porta da frente da casa. Saí pela janela da cozinha, DERRUBEI ALGUMAS GARRAFAS DE VINHO E O PIANISTA OUVIU. Abri a porta da direita e fugi deixando ela aberta, sem ninguém me ver. Esperei uns 50 minutos e voltei à cena do crime.

Quando voltei lá encontrei o delegado prendendo o garçom em flagra e botando ele para ser julgado no dia seguinte.
Fui até o delegado, perguntei o que tinha acontecido e fui liberado pois foi considerado que eu não tinha relação com o crime, cheguei lá apenas depois.

A princípio eu nem era testemunha, mas tenho que justificar porque eu não estava na cena do crime (TENHO QUE PENSAR NISSO).

Sei que o pianista usa luvas para tocar o piano. Caso hajam quaisquer suspeitas, devo levar essa informação em consideração.

COMO ESTAVA O CORPO:

-Do ponto de vista do delegado, o que me faz não ser suspeito é eu ter chegado no local do crime e encontrado com o delegado na porta já prendendo o garçom, na porta de entrada do restaurante. NÃO ENTREI NO RESTAURANTE DEPOIS QUE O ASSASSINATO ACONTECEU. DO PONTO DE VISTA DO DETETIVE, É IMPOSSÍVEL QUE EU SAIBA COMO ESTAVA O CORPO POIS NÃO ENTREI
LÁ.

(aqui está a posição dele: https://images.discordapp.net/eyJ1cmwiOi...FlmQS5wbmc
ifQ.FVtkXfhr8h5JEQm4bSFZf4JXb8U.png).

FORJANDO MEU ÁLIBI:

Eu vou ter que montar a história e improvisar. Mas tenho algumas ferramentas:

O dono do estabelecimento pediu que eu fosse até uma fornecedora de alimentos próxima para comprar leite, pois o que tinhamos estava fora da validade. No período da tarde (16h), ele pediu para eu ir no fornecedor de alimentos e trazer as caixas de leite. Porém não fui na hora que eu fui pedido pois era chance pra forjar álibi. Corri após o crime até o fornecedor de alimentos, e me encontrei com o funcionário, que me entregou uma caixa de leite. 22h05min eu estava lá. Estava de volta no restaurante às 22h30min. Cheguei no restaurante com as caixas de leite na mão e o detetive viu isso.

Enquanto eu fugia eu notei uma luva de baseball amarela jogada na rua em frente ao restaurante e ela me chamou atenção, mas não pude dar atenção.
Responder
 #18
https://mega.nz/#!ZhYlTZAJ!j4_r8VAc8M7Co...4XK2nKmcHw

Incrivelmente, tudo é verdade.
Responder
 #19
Atualizei o tópico. GG.
Não postarei meu bloco de notas por quê está a coisa mais confusa do mundo.
Responder
 #20
Olha, Hatty, eu classificaria o verdadeiro culpado como vencedor também HAHA!

Afinal mesmo sem fazer nada ele se safou da cadeia
Responder
 #21
UHSAUASH bom ponto.
Responder
 #22
Fizemos uma nova arrumação para tudo funcionar melhor em todos os computadores, até naqueles que usam App Locale.

Também reduzimos o tamanho da pasta para ser mais fácil de baixar, servindo para aqueles que querem jogar um único caso e pronto.

Estarei colocando novos links para download amanhã, estarão divididos em packs.

Até agora, fiz upload do "Novo Client" com as músicas da trilogia principal de Phoenix Wright, mas pretendo fazer um pack inicial com apenas as músicas do primeiro jogo, que são as básicas, diminuindo o tamanho do arquivo.

EDIT:

NORMAL PACK:
- Game + Songs (AA) ~ 700 MB
        -> Mega
        -> Mediafire
        -> 4shared

TRILOGY PACK:
- Game + Songs (AA/JFA/T&T) ~ 2.0 GB
       -> Mega
       -> Mediafire
       -> 4shared

JFA SONG PACK ~ 550 MB
       -> Mega
       -> Mediafire
       -> 4shared

T&T SONG PACK ~ 550 MB
       -> Mega
       -> Mediafire
       -> 4shared

AJ SONG PACK ~ 550 MB
       -> Mega
       -> Mediafire
       -> 4shared
Responder
 #23
Novos Links na postagem anterior.

Hatty, coloque tudo no tópico com as novas imagens.

Site para fazer mapas:
- YeOldMapMaker

Estarei baixando as imagens das evidências para criar o "Making Server Pack".

"Propagandas":
Spoiler:  
[Imagem: p5oevJM.png] [Imagem: CboCPA0.png][Imagem: HohGyzb.png]
Responder
 #24
Irei atualizar o tópico assim que sair a versão definitiva do jogo. donea, don't worry about deixar tudo organizado e perfeitinho, nem o jogo em si é.
Responder
 #25
A postagem inicial será atualizada em pouco tempo, novos links irão surgir...
E um novo caso irá começar.


Eu tenho 2 casos na minha cabeça.

Um está realmente feito, mas ele está tão difícil, insano e complexo que acho que seria um caso de 2/3 dias. Eu acho que tenho que dar uma caprichada e uma aumentada nas evidências, pois estão poucas.

O outro está totalmente incompleto, só pensei a ideia e fiz algumas coisas, mas devo conseguir fazer para o fim de semana.

Me digam, quem vai participar do próximo caso?

Não importando se é um dos que citei ou outro... Quem vai participar do próximo?


--------------

Uma coisa importante:

É imprescindível que vocês baixem os novos packs, com as suas preferências.
Responder
 #26
Eu participarei.
Responder
 #27
eu participaria
Responder
 #28
Eu também participarei.
Responder
 #29
Tópico atualizado. Recomendo que deem uma olhada, principalmente nas screenshots, por que agora tem a especificação de que personagem é aonde. Irei colocar os links de download do jogo inteiro assim que sair. Irei fazer uma breve changelog no que foi alterado.

Código:
Retirado 8 personagens com expressões iguais/sem muita variedade;
Retirado algumas músicas;
Colocado 8 personagens;
Retirado as músicas antigas e substituídas por versões extendidas delas;
Trocado o nome das músicas, para não ter mais problema com app locale.

Iremos tentar fazer algo nesse fim de semana, então recomendo que todos que forem jogar atualize os seus jogos baixando novamente. Entendo que o tamanho foi aumentado consideravelmente, mas espero que não seja um problema. Esse provavelmente será o ultimo update, então não se preocupem em ter de baixar futuramente o jogo de novo.
Responder
 #30
Pretendo participar
Responder
Páginas (4): « Anterior 1 2 3 4 Próximo »

Usuários visualizando este tópico: 1 Visitantes